Sabedoria ao alcance de todos

Provérbios 1.1-7
O livro de Provérbios foi escrito por vários autores, entre eles Salomão(1,1), Ezequias(25.1), Agur(30.1) e Lemuel(31.1), mas todos com a mesma intenção: mostrar ao povo de Deus que a sabedoria é algo que pode e deve ser atingido por todos e que essa sabedoria é algo prático.

Os versículos 2 a 7 deixam isso muito claro ao dizer: Para aprender a sabedoria e o ensino; para entender as palavras de inteligência; para obter o ensino do bom proceder, a justiça, o juízo e a eqüidade; para dar aos simples prudência e aos jovens, conhecimento e bom siso. Ouça o sábio e cresça em prudência; e o instruído adquira habilidade para entender provérbios e parábolas, as palavras e enigmas dos sábios. O temor do SENHOR é o princípio do saber, mas os loucos desprezam a sabedoria e o ensino.

Podemos perceber que o aprendizado da sabedoria e das palavras de inteligência leva inevitavelmente ao bom proceder, justiça, juízo e equidade, mostrando que para o livro de Provérbios, sabedoria não é apenas conhecimento teórico, ou inteligência. Não! É algo que tem que ser demonstrado através do comportamento, do cotidiano. Por isso mesmo o livro de Provérbios é tão prático e direto, para que a pessoa saiba exatamente o que fazer em todas as situações, seja no proceder com os pais, seja com o vizinho, casamento, filhos. Se considerarmos os 10 mandamentos como um sermão, o livro de Provérbios seria justamente a sua mais fiel e perfeita aplicação.

Mas isso é acessível a todos? Veja que o alvo de Salomão são os simples, os jovens, o sábio e o instruído, ou seja, todos! Não importa sua idade, grau de escolaridade, raça. A sabedoria é algo que se aprende e não que alguém tenha adquirido de nascença. Algo que a Palavra de Deus nos diz como obtê-la para que assim possamos proceder bem e entender as suas santas palavras.

O grande diferencial, todavia, é um entendimento que diverge de todos os povos e raças: que a sabedoria só vem do SENHOR. Perceba que o autor foi muito cuidadoso ao escrever o nome pactual de Deus, o Seu nome singular, que pertence exclusivamente a Deus e mais ninguém. O nome que revela justamente que Ele está em aliança com o Seu povo e por conta disto em relacionamento vivo e abençoador. O temor a este Deus é justamente o princípio desta prática sabedoria. Mas o que significa este temor? Nas palavras de Pascal: “Verdadeiro temor vem da fé; falso temor vem da dúvida. Verdadeiro temor alia-se a esperança, pois nasce da fé que os homens tem na esperança no Deus em que acreditam. Falso temor nasce no desespero pois os homens tem medo do Deus em que eles não acreditam.” Temor ao SENHOR não é um medo irracional do nosso Deus, mas sim uma certeza de que Ele é e o que Ele faz por nós e na esperança que temos nEle.

A conclusão de tudo é: só existe sabedoria em Deus e Sua Palavra. A única que traz vida e salvação e sabedoria para procedermos como exemplo neste mundo de loucos. Sim, loucos. Pois o desprezo a palavra de Deus e seus ensinos é definido pelo autor de provérbios justamente como loucura, pois apenas assim para algo tão maravilhoso, necessário e sábio ser recusado por alguém. É neste mesmo raciocínio que o apóstolo Paulo diz que: “Visto como, na sabedoria de Deus, o mundo não o conheceu por sua própria sabedoria, aprouve a Deus salvar os que crêem pela loucura da pregação. Porque tanto os judeus pedem sinais, como os gregos buscam sabedoria; mas nós pregamos a Cristo crucificado, escândalo para os judeus, loucura para os gentios; mas para os que foram chamados, tanto judeus como gregos, pregamos a Cristo, poder de Deus e sabedoria de Deus.” 1 Co 1.21-24
Cristo em sua morte e vida foi e é a grande demonstração de Deus e Sua sabedoria, que possamos então mostrar a este mundo louco, através da loucura da pregação, que, em Cristo, a sabedoria está ao alcance de todos.

Como já disse um teólogo: “O início da sabedoria é justamente este: vá atrás dela!”. Que Deus nos ajude a perseguir tal sabedoria pelo tempo em que Ele nos preservar com vida.

PERGUNTAS PARA DISCUSSÃO
1 – Onde o mundo tem buscado sabedoria?
2 – O que é sabedoria para o mundo?
3 – Como podemos demonstrar ao mundo a sabedoria de Deus?